• Rua 25 de Maio, Nº 119, 5370-535 MIRANDELA
  • Tel: 278 400 400
  • Atendimento Permanente 24H/365 Dias

Tudo o que precisa de saber sobre hipertensão arterial

Tudo o que precisa de saber sobre hipertensão arterial
17 de Maio, 2022

Tudo o que precisa de saber sobre hipertensão arterial

Pressão arterial

O que é?

A pressão arterial é a força que o sangue faz durante a circulação sobre a parede das artérias. Resulta em duas medidas:

  • sistólica ou “máxima ” : aparece em primeiro lugar e mede a força com que o coração se contrai e “ expulsa ” o sangue do seu interior
  • diastólica ou “mínima ” : é o segundo valor e diz respeito à medição da pressão quando o coração relaxa entre cada batimento

Na Europa estima-se que a hipertensão arterial afete cerca de 35-40% da população, e em Portugal estima-se que a prevalência de hipertensão arterial na população adulta seja de 42,6%. Dos doentes com hipertensão arterial, menos de metade estão medicados com fármacos anti hipertensores e só 11,2% estão controlados.

Valores normais Hipertensão Sistólica ou “ máxima ” : menor que 120 Diastólica ou “ mínima ” : menor que 80 Sistólica ou “ máxima ” : maior ou igual a 140 Diastólica ou “ mínima ” : maior ou igual a 90 Um valor de pressão arterial elevado isoladamente não significa que a pessoa seja hipertensa.

 

Quais os sintomas da hipertensão arterial?

Embora na maioria das vezes não cause sintomas, com o decorrer dos anos, a pressão arterial acaba por danificar precocemente os vasos sanguíneos e os principais órgãos do organismo, como o cérebro, o rim e o coração, podendo provocar sintomas como:

  • dores de cabeça
  • tonturas
  • zumbidos
  • aumento dos batimentos cardíacos
  • dor no peito
  • falta de ar

 

Quais as causas da hipertensão arterial?

A hipertensão arterial pode ser causada por:

  • stress
  • excesso de peso
  • ingestão excessiva de sal, açúcar ou de álcool
  • tabaco
  • colesterol elevado

 

Também pode ser causada por outras doenças ou condições, como:

  • apneia do sono
  • doença renal
  • Síndrome de Cushing
  • Feocromocitoma
  • hiperaldosteronismo primário
  • coartação da aorta
  • doença tiroideia e paratiroideia
  • contracetivos orais, descongestionantes nasais, fármacos dietéticos
  • gravidez

 

Quais as consequências da hipertensão arterial?

A longo prazo, a hipertensão arterial é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de:

  • Acidente Vascular Cerebral (AVC)
  • ataque cardíaco
  • insuficiência cardíaca
  • insuficiência renal
  • perda gradual da visão
  • disfunção eréctil
  • doença arterial periférica

 

Como e quando devo medir a pressão arterial?

A tensão arterial deve ser medida anualmente, como parte do exame clínico de rotina recomendado a adultos. Diabéticos e pessoas com patologias renais, cardíacas ou neurológicas têm de ser controlados com maior regularidade. Mesmo assim, siga sempre as indicações do seu médico. Para que a medição seja o mais correta possível, lembre-se:

  • Faça-a de forma relaxada, e em repouso
  • Não fume antes da medição
  • Não tome café antes da medição
  • Não esteja com a bexiga cheia.
Traduzir»